Você Sabe a Diferença Entre Lixo Seco e Lixo Orgânico?

Lixo Seco: é todo material inorgânico resultante de produtos industrializados que, em geral, são de difícil decomposição pela natureza. Na sua maioria podem ser reciclados pelo homem, ou seja, transformado em novos produtos.

São exemplos de lixo seco recicláveis:

  • Papéis: jornais, revistas, caixas de papelão, embalagens longa vida.
  • Plásticos: garrafas pet, canos e tubos, plásticos em geral.
  • Vidros: garrafas de bebidas, frascos em geral, copos, potes de produtos alimentícios.
  • Metais: latas de alumínio (refrigerante, cerveja, suco), latas de produtos alimentícios (óleo, leite em pó, conservas), tambás de garrafas.

Atenção: lâmpadas fluorescentes, pilhas, baterias em geral, termômetros, latas de tinta e inseticidas devem ter um descarte diferenciado porque são altamente poluentes. Os estabelecimentos que comercializam os produtos são os responsáveis pelo recolhimento e descarte dos mesmos.

Lixo orgânico ou lixo úmido: é todo material proveniente dos seres vivos, animais e vegetais.

Exemplos: restos de alimentos, casca de frutas, resíduos de varredura, folhas secas, erva mate, papel higiênico, papéis molhados ou engordurados, frandas descartáveis, absorventes dentre outros.

Fonte: S.O.S. Dona de Casa. Ago/11

2 comentários sobre “Você Sabe a Diferença Entre Lixo Seco e Lixo Orgânico?

  1. Parabéns pela excelente matéria sobre o LIXO, simples, objetiva e com exemplos do dia-a-dia para maiores esclarecimentos a população.
    Eu separo o meu lixo e adoto aos meus clientes a fim de ajudar a natureza.
    Elimar de Castro Insaurriaga
    Personal Organizer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *