cruzeiros 300 x 300

Dicas Para Quem Vai Viajar de Navio

 Alerta para a temporada de cruzeiros.

Fique Atento:

  • Só tome banhos em piscinas límpidas, onde seja possível ver a parte mais profunda com nitidez.
  • Consuma pratos que levam maionese apenas se forem mantidos sob refrigeração o tempo todo.
  • Não coma frutos do mar crus e pratos que contenham ovos crus.
  • Não utilize como alimento o gelo usado para resfriar superfícies externas.
  • Use apenas talheres que forem disponibilizados individualmente, embalados em invólucros descartáveis ou guardanapos limpos.
  • Esterilize copinhos e mamadeiras que serão usados por crianças.
  • Não compartilhe utensílios de uso pessoal.
  • Faça a criança usar equipamentos de flutuação, como boias e coletes, quando estiver perto ou dentro da piscina.
  • Lave as mãos com frequência, principalmente após usar o banheiro, tossir ou espirrar, e antes de manusear alimentos.
  • Utilize água mineral para lavar frutas que serão consumidas por crianças.
  • Use toalhas de papel descartáveis para fechar torneiras e abrir a porta de banheiros depois de lavar as mãos.
  • Higienize as mãos com álcool gel a 70% para complementar a lavagem com água e sabão.
  • Evite frutas e verduras danificadas pois a casca protege esses alimentos de contaminação.

Crianças na cabine – Jamais devem ficar sozinhas na cabine. Deixe sempre a luz acesa à noite e, quando houver beliche, nunca ponha menores de 7 anos para dormir em cima. A medida evita quedas.

Emergência – Todos os passageiros devem participar do treinamento de emergência, até mesmo crianças. Oriente-as de que os equipamentos de segurança não são brinquedos.

Referências – Busque referências sobre a companhia antes de viajar.

O principal problema que afeta os viajantes é a diarreia. De 10% a 50% deles sofrem de gastroenterites infecciosas, sendo que 98% são atingidos nas primeiras 48 horas de cruzeiro. Em segundo lugar, aparecem as gripes e os resfriados.

Conforme o infectologista Edimilson Migowski, a grande maioria dos casos de diarreia em embarcações (80% a 90%) é causada pelo norovírus. “Esse é o maior vilão”. Ele é transmitido por alimentos e água contaminados, mas também pelo contato entre pessoas”, explica o médico.

Em menor proporção, a bactéria Escherichia coli enterotoxigênica, conhecida como Etec, também representa um risco. “Ela provoca diarreias em quem come alimentos contaminados. Mesmo comidas cozidas podem transmitir a bactéria, porque ela produz uma toxina que é resistente ao calor”, alerta Migowski.

A melhor maneira de prevenir gastroenterites e doenças respiratórias em cruzeiros é higienizar periodicamente as mãos, além de evitar levá-las à boca, aos olhos e ao nariz. Em caso de algum problema de saúde, deve-se comunicar a tripulação.

“Conversar com o médico antes da viagem para levar um Kit com remédios básicos também é importante”, ensina o especialista.

Pequenos Pedem Atenção Redobrada.

“Para evitar contaminações, tudo que for usado no preparo de mamadeiras e refeições de crianças deve ser lavado com água mineral”. 

Em caso de enjoos durante a viagem, pais precisam reconhecer os sinais do problema, já que algumas crianças não conseguem expressar ao certo o que estão sentindo. Segundo a pediatra Renata Waksman, os sintomas são palidez, suor frio e inquietação. Em geral colocar a pessoa sentada com as pernas levantadas, em local ventilado, melhora o incômodo rapidamente. Pode-se aplicar compressas frias na testa. Remédios para náuseas e vômitos, prescritos antes do embarque pelo pediatra, são úteis nessas horas.

Enviado e adaptado por: Úrsula Castelo.
Fonte: Jornal O Sul/5 Janeiro/2014.

Dez Dicas Para Viajar Com Segurança

  1. Antes de viajar, confira se você está com toda a documentação, em especial o seu passaporte, em dia. De acordo com o Itamaraty, o ideal é que seu passaporte tenha validade mínima de seis meses, para garantir seu regresso em caso de problemas na viagem. É importante também já ter visto para o país que você quer visitar ou verificar se o país tem tratado de livre circulação com o Brasil. Neste caso, apenas seu documento de identidade já serve. Lembre-se, também, que o visto é uma expectativa de direito e não uma garantia: o país pode simplesmente não deixar você entrar sem apresentar justificativas.
  2. Se você vai viajar de avião, leve em conta que o espaço disponível é limitado. A maioria dos passageiros consegue ficar sentado por longos períodos de tempo, mas em algumas pessoas isso pode causar problemas de circulação nas pernas. Em casos mais sérios, isso pode causar trombose venosa profunda. Na dúvida, em voos longos, levante-se e ande pelo avião de vez em quando.
  3. Fique o tempo todo atento à sua documentação e a seus bilhetes de viagem.
  4. Antes mesmo de viajar, confira o telefone do Consulado ou Embaixada Brasileira no país (dê preferência, na cidade) que você vai visitar. Se o Brasil não possuir uma embaixada ou Consulado no seu destino, verifique com o Itamaraty quais países podem prestar assistência a você em caso de problemas. Em geral, os diplomatas dos países do Mercosul prestam assistência aos brasileiros.
  5. Se você for detido ou preso por qualquer motivo, peça ás autoridades locais para comunicar o fato ao Consulado Brasileiro. A maioria das policias dá o direito a um telefonema. Use-o para falar com os diplomatas brasileiros.
  6. Se você for ficar por muito tempo em outro país, comunique o Consulado Brasileiro local e informe seus dados e como entrar em contato com você. Isto facilita no caso de emergências no país.
  7. Conheça e respeite as leis dos outros países que, em muitos casos, diferem bastante da legislação brasileira. Atenção especial ao consumo e porte de álcool e outras drogas. Em alguns países muçulmanos, por exemplo, o consumo de álcool é proibido por lei.
  8. Cuidado com o que você come. A diarreia e intoxicação alimentar são as doenças mais comuns aos viajantes internacionais. Se você é alérgico a algo, aliás, sempre verifique a composição das receitas que vai comer, mesmo que aparentemente sejam comidas simples.
  9. Lembre-se que a água é um dos mais importantes transmissores de doenças infecciosas. Só beba água quando tiver certeza de que ela é potável. Na dúvida, compre água engarrafada (que deve ser aberta na sua presença) ou ferva a água se estiver em locais remotos.
  10. Quando os viajantes são idosos ou crianças, são necessárias precauções especiais como proteção contra o sol e calor nos países tropicais por causa do risco de insolação e desidratação. Também é importante verificar a legislação local para saber se a idade não será um problema durante a viagem.

Enviado por: Hélio F.
Fonte: Tudo Perto/Outubro/2011

Dicas para quem viaja de avião com destino a Curitiba

Você já reservou seu hotel em Curitiba, mas pretende viajar até a capital de avião? Conheça um pouco mais sobre o aeroporto Afonso Pena e fique atento as dicas que podem auxiliar muito quem deseja chegar até a metrópole utilizando esse meio de transporte.

Ao contrario do que muitos pensam, o Aeroporto Internacional de Curitiba não se localiza na capital paranaense e sim em São José dos Pinhais, cidade da Região Metropolitana, logo o passageiro precisa se deslocar aproximadamente 18km para chegar até o centro da capital paranaense. As formas de se chegar até a metrópole são variadas e é claro que muitas pessoas escolhem o táxi, porém, existem outras opções de transportes mais viáveis financeiramente, entre elas está o ônibus executivo, que parte do aeroporto e passa por diversos pontos no centro da capital, inclusive na frente de alguns hotéis em Curitiba e o passageiro paga apenas R$ 8,00; outra opção é o transporte público, a linha direta que sai do local passa por algumas estações tubo e também tem ponto de parada no centro. Quem pretende alugar um carro pode fazer isso no próprio aeroporto, em suas dependências encontramos algumas empresas que prestam serviços com essa finalidade.

Lembre-se de evitar viagens de manhã e a noite durante o inverno, pois as neblinas são fortes e existem grandes chances de seu vôo ficar atrasado e até mesmo ser cancelado por diversas vezes. Quem precisa esperar por horas antes de embarcar pode usar o serviço de fast sleep que um dos estabelecimentos localizados no aeroporto oferece; lá o passageiro pode descansar e até mesmo dormir enquanto não chega à hora de sua viagem. Ainda falando de hospedagem,vale a pena ressaltar que alguns hotéis da cidade oferecem o early check-in, então, acesse o site da FalaTurista pra ver qual deles possui o serviço disponível, além de poder conhecer os demais serviços inclusos no valor da diária.

Viagem sem Imprevistos

Para evitar surpresas desagradáveis:

Verifique antes, se o destino escolhido possui sua agência bancária, caixa eletrônico ou serviço de cartão de crédito. E leve reserva em dinheiro.

Se você vai viajar de carro, informe-se  se no destino escolhido existe posto de combustível. E, antes, verifique as condições de seu veículo.
Continue lendo

Tragédia Mundial á Vista

SE O VAZAMENTO DE PETRÓLEO CONTINUAR POR 18 MESES…
TODO O OCEANO ESTARÁ CONTAMINADO…

A situação na Flórida é muito pior do que a mídia está relatando, aliás quase não se fala mais do pior desastre ambiental do planeta, essa tragédia pode resultar em mudanças geológicas, já se cogita a idéia de uma possível evacuação em massa na Florida, já que o petróleo contém substâncias tóxicas que contaminam tudo ao redor. Mas o problema não fica só na Florida (o que já é triste e desastroso), mas as estimativas são de que se o vazamento continuar em 18 meses TODO O OCEANO pode estar contaminado. Infelizmente não podemos fazer nada mais do que espalhar essa notícia e nos preparar.

Continue lendo

Sede do Mundial de Futebol 2010!

A República da África do Sul é muito conhecida por suas belezas naturais, com desertos, montanhas e planícies. Além desses, sua diversidade cultural e religiosa sobressaem aos olhos do mudo. Sua capital, a Cidade do Cabo, é internacionalmente conhecida pelas belezas que possui, chegando a ser considerada uma das mais belas cidades do mundo.

Continue lendo

Só no Rio Grande do Sul

O sotaque mais xucro, grosso e assustador de todo o universo conhecido (e do desconhecido também) é o nosso, oriundo do gaúcho bravio, meio italianado. Esse dicionário é quase perfeito, especialmente para quem não é ‘nativo’ deste chão!
E pra quem não sabe falar com a gente então manda o dicionário abaixo:

O Que é Sistema de Castas?

O sistema de castas foi criado para dividir a sociedade indiana. Segundo o deus-brahmahinduísmo, a religião predominante no país, a humanidade nasceu do deus Brahma. Cada grupo se originou de diferentes partes do corpo desse deus, formando as quatro castas básicas. Além disso há os “intocáveis”, que não fazem parte de nenhuma casta.

Continue lendo

Formação dos Lagos e Geleiras

Lagos são depressões de relevo onde se acumula água. Os lagos podem ter formação:

  • Tectônica – o relevo é deprimido por atividades tectônicas.
  • Vulcânicos – a cratera de um vulcão inativo ou extinto é inundada.
  • Erosivos – formados pela deposição de sedimentos pelo gelo, que forma uma barragem natural, acumulando água no verão quando o gelo e a neve dessas regiões descongela.
  • Lagos de barragem – formados a partir da deposição de sedimentos de origem marinha ou fluvial, que formam barragens naturais e retêm água.

Continue lendo

Onde Pescar?

Costões rochosos são encontrados em alguns pontos do litoral brasileiro, localizados principalmente na região Sudeste, onde as rochas praticamente mergulham no mar e sofrem intensa ação das ondas. Raramente ocupam grandes extensões e são separados por trechos de praia.

Continue lendo

Os Rios

Os rios são corpos de água que correm sobre a crosta e têm sua movimentação condicionada pela gravidade. Um rio é composto de elementos como:

Nascente: é o local onde o rio nasce; trata-se geralmente de um afloramento do lençol freático.

Continue lendo